Rio de Mãos Dadas pelo interior

ter, 29/06/2021 - 16:19h - Municípios, Região Metropolitana

Compartilhar:

Os sindicatos filiados à Fecomércio RJ, o Senac RJ e o Sebrae Rio lançaram o projeto Rio de Mãos Dadas pelo Interior, uma jornada de relacionamento com empresários do setor do Comércio de Bens, Serviços e Turismo fluminense. O piloto terá início em 1º de março, encabeçado pelo Sicomércio Petrópolis, e será destinado aos empresários do setor de varejo do município.

Voltado para pequenas e médias empresas, o Rio de Mãos Dadas pelo Interior visa contribuir para o desenvolvimento da economia e para reativar a potência dos municípios fluminenses impactados pelo longo período de pandemia. Os empresários participantes assistem palestras gratuitas com especialistas, com conteúdo adaptado à realidade de cada região. Na sequência, podem contratar uma mentoria personalizada para encontrar soluções e identificar oportunidades para alavancar seus negócios. A iniciativa está sendo realizada em 12 regiões do estado, inicialmente em plataforma digital, e abordará os setores do Varejo, Gastronomia, Turismo, entre outros.

“As ações realizadas pela união da Fecomércio RJ, Sesc, Senac e IFec com o Sebrae Rio vem se fortalecendo e possibilitam oferecer aos empresários do setor do comércio de Bens, Serviços e Turismo eficiência e agilidade nos programas, qualificações e treinamentos sob medida para suas necessidades. Em especial nesse período de enfrentamento à pandemia do Coronavírus, o Rio de Mãos Dadas reforça nossos objetivos de apoiar os empresários e a retomada econômica, fundamentais para gerar qualidade de vida e bem-estar à sociedade”, enfatiza o presidente da Fecomércio RJ e do Conselho Deliberativo do Sebrae Rio, Antonio Florencio de Queiroz Junior.

“O Rio de Mãos Dadas vai trazer para o interior um olhar atento às necessidades de cada empresa. Precisamos dessa atenção direcionada para o que estamos enfrentando de fato. A integração entre Senac RJ, Sebrae Rio, Fecomércio RJ e os sindicatos locais é importante para o alinhamento correto das ações do programa. As capacitações que serão oferecidas a partir desse recorte feito especialmente para o interior do estado serão benéficas para o momento pós-pandemia que se aproxima com a expectativa de vacinação da população. Além disso, as mentorias individuais, pensadas para a necessidade de cada empresa, trarão a adequação do setor que todos precisam para enfrentar a crise”, afirma o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Petrópolis (Sicomércio Petrópolis), Marcelo Fiorini.

Após essa consultoria, os participantes passam por uma pós-mentoria, em que há apresentação do diagnóstico e encaminhamento para as soluções e melhorias necessárias. Entre essas soluções estão o encaminhamento para cursos do Senac RJ, a realização de consultorias do Sebrae Rio ou mesmo a contratação do serviço de consultoria da Azov.

“A crise acelerou muitos processos dentro dos pequenos negócios e a economia começa a apresentar recuperação, graças ao empreendedorismo. O empresário precisa entender que o cliente de hoje é muito diferente de antes do início da pandemia. Ele passou a exigir mais da empresa, quer uma rápida entrega e ser exclusivo. O empreendedor precisa estar preparado para os novos tempos e adquirir o conhecimento necessário para chegar ao cliente final. Essa parceria com várias entidades permitirá fazer um trabalho integrado, com foco nas capacitações mais apropriadas para esse público”, explica o gerente de Atendimento do Sebrae Rio, Leandro Marinho.

O Rio de Mãos Dadas pelo Interior começou em Petrópolis, abordando temas como Gastronomia e Turismo. Em paralelo, segue também para Três Rios, Volta Redonda, Itaperuna, Angra, Cabo Frio, Miguel Pereira, Nova Friburgo, Nova Iguaçu, Rio das Ostras, São João de Meriti e Niterói.

Conheça aqui um pouco mais sobre o movimento Rio de Mãos Dadas pelo Interior.

Você pode gostar de ver também